Discurso durante a 133ª Sessão Deliberativa Ordinária, no Senado Federal

Protestos contra a suspensão de cestas-básicas a serem distribuídas para o Nordeste. (como lider)

Autor
Ney Suassuna (PMDB - Movimento Democrático Brasileiro/PB)
Nome completo: Ney Robinson Suassuna
Casa
Senado Federal
Tipo
Discurso
Resumo por assunto
POLITICA SOCIAL.:
  • Protestos contra a suspensão de cestas-básicas a serem distribuídas para o Nordeste. (como lider)
Publicação
Publicação no DSF de 12/10/2001 - Página 24621
Assunto
Outros > POLITICA SOCIAL.
Indexação
  • SOLICITAÇÃO, URGENCIA, ALTERAÇÃO, PROGRAMA, DISTRIBUIÇÃO, CESTA DE ALIMENTOS BASICOS, REGIÃO NORDESTE, MOTIVO, SUSPENSÃO, BENEFICIO, PROVOCAÇÃO, AUMENTO, FOME, MORTE, POPULAÇÃO CARENTE.

  SENADO FEDERAL SF -

SECRETARIA-GERAL DA MESA

SUBSECRETARIA DE TAQUIGRAFIA 


            O SR. NEY SUASSUNA (PMDB - PB. Como Líder. Sem revisão do orador.) - Sr. Presidente, hoje, num periódico, li que 300 mil cestas básicas estão sendo suspensas - o que atinge 1,5 milhão de pessoas, já que cada cesta básica alimenta pelo menos 5 pessoas. Está havendo uma modificação no programa. Dessa forma, uso da tribuna para pedir aos burocratas que cuidam disso que não deixem o tempo passar. É muito bonito dizer que o programa foi suspenso e que haverá outro, mas esse interregno não pode ser demorado, porque significa a alimentação dessas famílias, a morte por inanição de filhos pequenos, mais um sacrifício para os que não têm dinheiro sequer para comprar uma cesta básica, que não é cara, mas é o possível. Peço urgência na transformação do programa.

            Até louvo o Governo quando diz que não dará cesta básica, mas entregará o dinheiro. Isso é bom porque permite que o cidadão compre o que necessita e porque reforça a economia local. A cesta básica doada, que era comprada fora, muitas vezes quebrava os pequenos bodegueiros e os pequenos mercadores. Mas as providência cabíveis não podem demorar.

            Este é o meu apelo, como Líder do PMDB: que seja rápida essa operação, que não deixemos irmãos nossos, cerca de 1,5 milhão de brasileiros, passar fome porque se está trocando um programa.

            Muito obrigado.


            Modelo12/22/246:57



Este texto não substitui o publicado no DSF de 12/10/2001 - Página 24621