Autor
Acir Gurgacz (PDT - Partido Democrático Trabalhista/RO)
Data
02/06/2015
Casa
Senado Federal 
Tipo
Pela Liderança 

            O SR. ACIR GURGACZ (Bloco Apoio Governo/PDT - RO. Como Líder. Sem revisão do orador.) - Sr. Presidente, Srªs e Srs. Senadores, nossos amigos que nos acompanham pela TV Senado e pela Rádio Senado, uso a tribuna esta tarde para fazer um registro sobre o nosso trabalho com relação às obras de infraestrutura para o nosso País, principalmente no Estado de Rondônia.

            Uma obra que é da maior importância para a exportação brasileira é a construção da ferrovia que liga o sul ao Pacífico, passando pelo Mato Grosso, Lucas do Rio Verde, Vilhena, Porto Velho, Rio Branco e Cruzeiro do Sul, chegando até o Peru. É uma obra da maior importância, de valor bastante expressivo para o Governo Brasileiro.

            Mas, a partir da visita do Primeiro Ministro da China ao Brasil, foi demonstrada a importância, também para a China, da construção dessa ferrovia. E nós, que já estamos trabalhando, há algum tempo, para que esse sonho se torne realidade, conversamos por diversas vezes com o Embaixador chinês no Brasil, para que pudéssemos avançar nas tratativas, não só com o Governo brasileiro e o governo chinês, mas também com o governo peruano. E marcamos, para a próxima semana, uma visita do Embaixador da China e de uma comitiva de empresários chineses para conhecerem o nosso Estado de Rondônia. O roteiro da caravana vai se iniciar em Porto Velho, seguindo para Ariquemes, Jaru, Ouro Preto, Ji-Paraná, Presidente Médici, Cacoal, Pimenta Bueno, Vilhena - no Mato Grosso, passaremos por Comodoro, Lucas do Rio Verde e Cuiabá -, para que essas pessoas possam conhecer o potencial de crescimento e desenvolvimento do Estado de Rondônia, como também a sua produção de alimentos.

            Estaremos em uma comitiva brasileira. Vamos nos reunir, na cidade de Ji-Paraná, com o Governador de Rondônia, o Governador do Mato Grosso, o Governador do Acre e o Governador do Amazonas, segunda-feira, pela manhã, para mostrarmos o potencial do Norte do País, não só para o escoamento da produção, mas também como produtores de alimentos, para que nós possamos exportar para a China, país que hoje mais cresce no mundo.

            Vamos recepcionar em Porto Velho toda essa comitiva liderada pelo embaixador chinês, no domingo à tarde. Sairemos pela BR-364 com destino a Ji-Paraná; pernoitaremos em Ji-Paraná; na manhã de segunda-feira, vamos recepcionar todos os nossos convidados, o embaixador e os empresários chineses, como também os Governadores do Mato Grosso, do Acre, do Amazonas - evidentemente, junto com o nosso Governador de Rondônia.

            Eu entendo que este será um momento histórico na vida do nosso País, mas, principalmente, para o nosso Estado de Rondônia, que precisa, e muito, dessa ferrovia. Aliás, nós já estivemos várias vezes no Ministério e conversamos sobre o início desse trecho, que deve começar em Porto Velho para ir ao encontro da ligação de Lucas do Rio Verde. Se nós começarmos em Lucas até chegar em Porto Velho, não poderemos utilizar essa ferrovia; ao passo que, ao contrário, nós vamos interligar aos poucos, mas iniciando em Porto Velho. Quando nós chegarmos em Ariquemes, já teremos 180km de ferrovias; quando a ferrovia chegar a Ji-Paraná, já serão 360km e, quando chegar em Vilhena, serão 740km, 750km de ferrovia que já poderão ser utilizados.

            Então, usei da palavra para registrar que, na próxima semana, vamos recepcionar toda essa comitiva, para mostrarmos o potencial de desenvolvimento do nosso Estado de Rondônia.

            O Arco Norte é a grande saída de exportação no Brasil, não só pela rodovia que liga o Pacífico a essa futura ferrovia. E nós sabemos que essa ferrovia não poderá ser construída às pressas, amanhã ou no próximo ano; mas ressaltamos a importância e a necessidade dessa ferrovia para todo o País, como também a importância da BR-364, ligando a hidrovia do Madeira e fazendo a exportação pelas balsas até Itacoatiara, e Itacoatiara transbordando a nossa soja em navios de grande calado.

            Esse é o registro que eu tinha para fazer nesta tarde.

            Muito obrigado, Sr. Presidente.