Data do Pronunciamento Tipo do Pronunciamento Casa Partido/UF Resumo do Pronunciamento
19/11/1997 Para discursar Senado Federal PT/SP DESTACANDO O COMPARECIMENTO DOS MINISTROS DE ESTADO DA FAZENDA E DO PLANEJAMENTO E ORÇAMENTO A ESTA CASA, NO PROXIMO SABADO, E COMUNICANDO QUE ENCAMINHOU ANTECIPADAMENTE ALGUNS DOS QUESITOS QUE PRETENDE ARGUIR DURANTE A EXPOSIÇÃO, A FIM DE QUE OS MINISTROS POSSAM ELUCIDAR SATISFATORIAMENTE OS SEUS QUESTIONAMENTOS. NECESSIDADE DE AGILIZAÇÃO, PELO MINISTERIO DA FAZENDA, DA COBRANÇA DE SEUS CREDITOS JUNTO A INICIATIVA PRIVADA, QUE VEM TENDO O PAGAMENTO POSTERGADO, EM ALGUNS CASOS HA DECADAS, E QUE REPRESENTAM BILHÕES DE REAIS. INCONSTITUCIONALIDADE DO AUMENTO NOS SUBSIDIOS DOS PARLAMENTARES, NOS MOLDES E QUE VEM SENDO DISCUTIDO NA CAMARA DOS DEPUTADOS.
17/11/1997 Para discursar Senado Federal PT/SP APOIO AS INICIATIVAS DO SR. ALBERTO SIMONETTI, PRESIDENTE DA ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL, NO AMAZONAS, QUANTO A INVESTIGAÇÃO DA MORTE DE SEM-TERRA NO MUNICIPIO DE APUI/AM, HAJA VISTO O INDICIO DE TORTURA. COMENTARIOS SOBRE NORMAS E PROCEDIMENTOS ADOTADOS PELA COMPANHIA NUTRIQUIMICA BRASILEIRA, QUE PODEM TER CONTRIBUIDO DECISIVAMENTE PARA O ACIDENTE OCORRIDO NO ULTIMO SABADO.
17/11/1997 Para discursar Senado Federal PT/SP RELATO DA VISITA DE S.EXA. A COMPANHIA NUTRIQUIMICA BRASILEIRA, NO ESTADO DE SÃO PAULO, EM DECORRENCIA DA EXPLOSÃO OCORRIDA NO ULTIMO SABADO, DIA 15, OCASIONANDO A MORTE DE UM TRABALHADOR. ALERTANDO QUANTO A POSSIBILIDADE DE NOVOS ACIDENTES NAQUELA EMPRESA, E AO RISCO DE QUE ESTÃO SUBMETIDOS OS SEUS TRABALHADORES E INSTALAÇÕES VIZINHAS.
12/11/1997 Para discursar Senado Federal PT/SP COMENTANDO AS MEDIDAS DE AJUSTE FISCAL APRESENTADAS PELO GOVERNO ANTEONTEM, QUE CONTEM INUMEROS ASPECTOS CRITICAVEIS E OUTROS INACEITAVEIS, TAIS COMO, O AUMENTO DAS ALIQUOTAS DO IMPOSTO DE RENDA DA PESSOA FISICA E DO IPI DE ALGUNS PRODUTOS, A ANUNCIADA DEMISSÃO DE 33 MIL FUNCIONARIOS PUBLICOS, A SUSPENSÃO DOS REAJUSTES SALARIAIS E, TAMBEM, O IMPACTO PARA O DESEMPREGO E PARA A RECESSÃO DA ECONOMIA. COMUNICANDO QUE APRESENTARA REQUERIMENTO DE INFORMAÇÕES A MESA, SOLICITANDO AO MINISTRO DA ADMINISTRAÇÃO FEDERAL E REFORMA DO ESTADO ESCLARECIMENTOS SOBRE ASPECTOS QUE TANGEM A DEMISSÃO DE FUNCIONARIOS PUBLICOS, CONSTANTE NO AJUSTE FISCAL.
10/11/1997 Para discursar Senado Federal PT/SP COMENTANDO O CONJUNTO DE MEDIDAS ANUNCIADAS HOJE PELA EQUIPE ECONOMICA DO GOVERNO, COM ENFASE AOS SEUS EFEITOS.
10/11/1997 Para discursar Senado Federal PT/SP COMENTANDO OS ARTIGOS PUBLICADOS HOJE NA FOLHA DE S.PAULO, INTITULADOS 'A DEPREDAÇÃO DA USP, E O SEGUNDO INCENDIO DA USP', DE AUTORIA DA PSICANALISTA E ENSAISTA MARIA RITA KEHL E JAIR BORIN, RESPECTIVAMENTE, QUE SE REFEREM AO ESPANCAMENTO E A MORTE DO MENOR DANIEL PEREIRA DE ARAUJO, MORADOR DA FAVELA SÃO REMO, POR SEGURANÇAS DA UNIVERSIDADE.
04/11/1997 Para discursar Senado Federal PT/SP ANALISE DA GRAVE CRISE FINANCEIRA QUE ATINGIU O PAIS NA SEMANA PASSADA, COM A CONSEQUENTE ELEVAÇÃO DAS TAXAS DE JUROS E SEU REFLEXO PARA O AUMENTO DO DESEMPREGO E DA DIVIDA PUBLICA, ALEM DE AFETAR NEGATIVAMENTE AS RECEITAS GOVERNAMENTAIS E COLOCAR EM RISCO A ESTABILIDADE DAS INSTITUIÇÕES FINANCEIRAS. CONSTANTE ALERTA DE S.EXA. COM A OMISSÃO DO GOVERNO NO TRATAMENTO DE VARIOS PROBLEMAS ECONOMICOS, TAIS COMO OS DA SUBSTANCIAL E PERSISTENTE VALORIZAÇÃO CAMBIAL, ACOMPANHADA DE UMA POLITICA DE ABERTURA AS IMPORTAÇÕES. EVASIVAS E ESCAPISMO NAS AFIRMAÇÕES DE QUE A VULNERABILIDADE DO PLANO REAL DEVE-SE A GLOBALIZAÇÃO, A OPOSIÇÃO OU A LENTA TRAMITAÇÃO DAS REFORMAS CONSTITUCIONAIS.
04/11/1997 Para discursar Senado Federal PT/SP SOLIDARIZANDO-SE COM O SENADOR FRANCELINO PEREIRA PELAS HOMENAGENS PRESTADAS A JOSE MINDLIN. DOCUMENTO EM DEFESA DO BRASIL, QUE O PARTIDO DOS TRABALHADORES DIVULGOU ONTEM A RESPEITO DO MOMENTO ECONOMICO QUE ESTAMOS VIVENDO.
03/11/1997 Para discursar Senado Federal PT/SP EXPECTATIVAS SOBRE A DECISÃO DE LUIZ INACIO DA SILVA, QUANTO A SUA CANDIDATURA OU NÃO A PRESIDENCIA DA REPUBLICA.
30/10/1997 Para discursar Senado Federal PT/SP OS EFEITOS DA QUEDA DA BOLSA DE HONG KONG EM TODO O MUNDO, PRINCIPALMENTE SOBRE A ECONOMIA BRASILEIRA, TENDO EM VISTA A SUA FRAGILIDADE EM RAZÃO DO DEFICIT DA BALANÇA COMERCIAL. INDAGANDO DO GOVERNO OS MOTIVOS PELOS QUAIS NÃO ERRADICA COM FIRMEZA O TRABALHO INFANTIL EM NOSSO PAIS, JA QUE ACABA DE DESTINAR CINCO BILHÕES PARA CONTER ESPECULAÇÃO NAS BOLSAS.